A arte rupestre está na nova coleção de biojoias

Pinturas, gravuras que contam a história de nossos antepassados: arte rupestre! Já na pré história, o homem deixava sua marca registrada em paredes de cavernas, em áreas externas, e que pudessem ser preservadas ao máximo contra a ação do tempo. Tempo, aliás, que datam a maioria delas: há mais de 40 mil anos!

Coleção Rupestre. Colar em Ágata-fogo e Jade Rubi
Coleção Rupestre. Colar em Ágata-fogo e Jade Rubi

Cenas de caças, registro de animais da época, histórias de amor, de guerras e até mesmo pornografia estão presentes com imagens que já foram multi coloridas e que, com o passar dos anos, transformaram-se em tons avermelhados, amarronzados e de pastéis.

Claro que as imagens foram as que mais sobreviveram, mas a arte rupestre também se fez presente em esculturas em madeira e em ossos. Todas estas artes, no entanto, não eram apenas consideradas com adornos ou registros mas sim um significado mais mágico e religioso segundo os estudos mais recentes de antropólogos e arqueólogos. E embora muitas dessas obras sejam desprovidas de senso estético, a preocupação por torná-la a mais próxima possível da realidade.arte-rupestre

Encontradas em todos os continentes, a arte rupestre se manifestou com igual intensidade e característica também em todo o Brasil. Aqui, por exemplo, a Serra da Capivara, na cidade de São Raimundo Nonato, Piauí, tem um dos maiores acervos de arte rupestre do continente. Este fato o fez também ser um Patrimônio Mundial da Humanidade pela Unesco. O AteliêEspeciarias usou como inspiração as cores e formas da arte rupestre presente em seus mais de 700 sítios arqueológicos que este parte atualmente abriga para fazer essa nova coleção de biojoias.

Das formas de veados e outros animais de grande porte. Dos movimentos de silhuetas de caçadores. Das cores, marrons e vermelhas em especial, em suas rochas lapidadas. Elementos não faltaram para poder criar cada biojoia única que faz parte desta coleção. O seu sucinto e belo formato, a não preocupação de estética, faz desta coleção ímpar da marca.

Conhecer a nova coleção, chamada de “Coleção Rupestre” é se transportar alguns milênios atrás e conhecer (e valorizar) o que nossos antepassados deixaram gravados nas rochas que, de um lado guarda a história humana e de outro, a história do planeta em que vivemos! Veja algumas dessas biojoias aqui.

Veja também: